• user warning: Table './comunidade/sessions' is marked as crashed and last (automatic?) repair failed query: SELECT COUNT(sid) AS count FROM sessions WHERE timestamp >= 1472179837 AND uid = 0 in /var/www/comunidadesegura.org/includes/database.mysql.inc on line 172.
  • user warning: Table './comunidade/sessions' is marked as crashed and last (automatic?) repair failed query: SELECT DISTINCT u.uid, u.name, s.timestamp FROM users u INNER JOIN sessions s ON u.uid = s.uid WHERE s.timestamp >= 1472179837 AND s.uid > 0 ORDER BY s.timestamp DESC in /var/www/comunidadesegura.org/includes/database.mysql.inc on line 172.

Para reinserção de crianças-soldado, cultura

Desde 2003, muitas crianças e jovens do Haiti têm se envolvido voluntariamente e, em muitas vezes, de forma direta em confrontos armados. As crianças soldado – como são identificados pela comunidade e também entre eles próprios – desempenham papeis diversos, que variam de acordo com sua idade, gênero ou até mesmo com sua capacidade de atuação. Elas podem servir de “antena”, para transmissão de informações, ou para transportar armas e drogas. Mas podem também – e sobretudo – criar um conflito.

Mais pobreza, mais jovens assassinados

Ignácio Cano, sociólogo do Laboratório de Análise da Violência, da Uerj, explica os resultados do Mapa da Violência 2011 e do Índice de Homicídios de Adolescentes de 2010, que mostram que a violência letal entre jovens continua em patamares muito altos, principalmente nas regiões mais pobres do país.

Campanha de desarmamento será permanente

Lançada em Vitória do Espírito Santo, Campanha Nacional de Entrega Voluntária de Armas e Munições terá caráter permanente e será realizada todos os anos, sempre no mês de julho. Caravana Nacional vai percorrer capitais do país para mobilizar lideranças e população locais e formar comitês pelo desarmamento.

Chegou a hora de debater e inovar

Os integrantes da Comissão Brasileira sobre Drogas e Democracia (CBDD) emitiram uma declaração que reflete o trabalho de 18 meses de debates. Sua principal conclusão é que o Brasil não deve adiar mais um debate aberto que permita encontrar formas mais eficientes de lidar com as drogas diante do fracasso da abordagem proibicionista promovido pelas Nações Unidas e adotado pelos Estados membros da organização.

Rio terá policiais de folga trabalhando fardados

Decreto assinado pelo governador Sérgio Cabral permite que PMs façam turnos extras em atividades conveniadas com municípios do estado. A medida, que regulamenta o chamado “bico”, divide opiniões.

Redução de danos ao alcance das comunidades

Os Agentes Comunitários de Saúde, que fazem parte da Estratégia de Saúde da Família nas comunidades do Río, contarão, a partir de agora, com um novo aliado: a cartilha “Diminuir para Somar”, que oferece conselhos práticos para abordar os usuários de álcool e outras drogas a partir dos preceitos da redução de danos. A publicação faz parte de um pacote de materiais preparado pela organização Viva Comunidade, que opera a estrategia em vários setores da cidade.

Quem protege os jovens ameaçados de morte?

No mês de fevereiro, o Viva Rio promoveu um diálogo sobre proteção a crianças e adolescentes em situação de ameaça de morte. O evento contou com a participação de representantes de diferentes setores da sociedade civil, como pesquisadores, especialistas e membros de órgãos que compõem o Sistema de Garantia dos Direitos Humanos da Criança e do Adolescente (SGDHCA).

Para derrubar o muro invisível da exclusão social

Uma iniciativa de resgate de jovens em situação de risco leva aulas de cidadania e abre espaço para debate entre jovens que moram em comunidades dominadas pelo tráfico. É o Protejo, uma das 24 ações do Programa Nacional de Segurança Pública e Cidadania (Pronasci), do Ministério da Justiça, que será implementado pelo Viva Comunidade na favela Rainha da Sucata, em Cabo Frio, no Norte Fluminense.

Masculinidade livre de violência

Uma masculinidade baseada em comportamentos construtivos e pacíficos é o alicerce do trabalho do Centro de Prevenção da Violência, uma organização nicaraguense que, com sua metodologia de oficinas coletivas e terapias individuais, conseguiu tirar 80% dos jovens com os quais trabalhou das pandillas. A psicóloga Iveth Espino explica no que consiste este trabalho, reconhecido regionalmente.

Os caminhos e descaminhos das armas no Rio

Deputado que levou centenas de milicianos à cadeia, Marcelo Freixo (PSOL) está à frente de uma nova Comissão Parlamentar de Inquérito voltada para a segurança pública no Rio de Janeiro: a CPI das Armas, que vai investigar as origens e destinos das armas em circulação e por onde passam os braços do Estado no tráfico de armamento.

Conteúdo sindicalizado