O que é Wi-Fi Mesh e Como Funciona?

O Wi-Fi Mesh serve para melhorar a conexão com a Internet em residências, hotéis ou grandes centros comerciais, onde o sinal pode ter problemas para chegar a certos lugares.

Muitos acham que se trata de um repetidor wi-fi, porém, esse tipo de dispositivo realmente usa outra tecnologia que é um pouco similar ao que o repetidor faz.

Neste artigo, explicamos o que é, como funciona e quais as vantagens dessa tecnologia que ainda é pouco conhecida pela grande maioria das pessoas.

Wi-Fi Mesh
Roteador comum. | Foto: Canva Pro

O que é wi-fi Mesh e como funciona?

Wi-Fi Mesh é uma tecnologia que permite que um roteador principal e seus sinais sejam conectados uns aos outros para ter uma conexão de Internet de qualidade em diferentes pontos. 

Por exemplo, se estivermos em uma casa com dois andares e quisermos expandir nosso sinal wi-fi em lugares distantes do roteador, distribuiremos os sinais Mesh durante toda a estadia e a conexão melhorará significativamente.

Este sistema funciona para que todos os pontos de acesso estejam conectados ao roteador principal, mas também conectados uns aos outros de forma inteligente. 

Dessa forma, se um dispositivo Mesh perder sua conexão, nos conectaremos automaticamente a outro que captará o sinal para a Internet para que possamos permanecer conectados. O sistema decide rapidamente e em tempo real.

Vantagens e desvantagens de uma rede de Wi-Fi Mesh

Os recursos oferecidos pelo Wi-Fi Mesh o tornam um produto a ser levado em conta para aqueles usuários que desejam melhorar sua conexão com a Internet em locais com muito espaço.

Portanto, nesta tabela, oferecemos os pontos positivos e negativos deste sistema, para que você possa avaliar se é ou não conveniente para você tê-lo.

Vantagens

Desvantagens

  • Graças à sua operação inteligente, teremos acesso a uma boa cobertura, independentemente de quão longe estejamos do roteador. Além disso, se um sinal for desconectado, o sistema nos conectará automaticamente a outro sinal.
  • Sua instalação é simples, já que só teremos que conectar os sinais a um cabo de alimentação e começar a usá-los por meio de um aplicativo fácil de usar.
  • Em muitos desses dispositivos Mesh, o sistema não usa a rede Wi-Fi para a conexão entre os diferentes sinais e o roteador, então teremos uma melhor conexão.
  • O preço de alguns sistemas pode ser bastante caro, já que o Wi-Fi Mesh geralmente é focado em lugares como hotéis ou shopping centers, onde você deseja ter uma boa conexão em qualquer espaço.
  • Embora melhorem a qualidade do sinal que um repetidor pode oferecer, ainda existem elementos como paredes grossas ou ondas eletromagnéticas, que podem alterar a qualidade do sistema.
  • Atualmente, a variedade que existe em modelos ou configurações não é muito ampla, portanto, quando se trata de modificar ou configurar sistemas atuais, não teremos muitas alternativas.

Logo, fica evidente que possuir uma rede Mesh não é para qualquer um e para qualquer empresa, deve-se contratar alguém especializado para configurar algo assim.

Porém, nada melhor do que ter a opinião de alguém que usou e de fato viu tudo de perto.

Acompanhe abaixo o vídeo do Matheus Kise falando de sua própria experiência com o equipamento e com a solução de rede entregue.

Veja a experiência de um usuário por 6 meses

Conclusão

Uma rede Wi-Fi Mesh é capaz de redirecionar o tráfego pela rede sempre da maneira ideal para ter o melhor sinal possível em nossa rede. 

As redes de Wi-Fi Mesh calculam qual sinal é melhor para nos conectarmos a qualquer momento, com base no status de outros sinais, dispositivos conectados, distância a cada um dos sinais, intensidade e muitos outros fatores, de maneira completamente transparente para o usuário, que não precisa se preocupar com qual dispositivo ele está conectado.

E você, já utiliza uma rede Wi-Fi Mesh em casa ou na empresa? Para qualquer dúvida, use o campo de comentários.

Deixe um comentário

dezesseis + sete =